Artigo

Computador para criar jogos. Como montar. [Guia]

Você está começando nesta área, ou busca melhorar seu computador para criar jogos? Veio ao lugar certo!

O cenário de criação de jogos mudou muito e vêm crescendo cada vez mais nos últimos anos no Brasil e no mundo.

Com tantas opções por aí, é normal que a gente fique na dúvida do que priorizar na hora de escolher um computador para criar jogos.

Portanto, viemos aqui para te ajudar!

E para este conteúdo, dividimos nossos tópicos da seguinte forma, a fim de facilitar sua leitura:

  1. Quais tipos de jogos você cria?
  2. Qual a sua atribuição específica durante a criação de um jogo?
  3. Escolhendo cada um dos principais componentes de um computador para criar jogos

Segue com a gente!

Leia também: [Guia] Como inventar um jogo do zero. Aprenda passo a passo

Como escolher e montar um computador para criar jogos

1. Quais tipos de jogos você cria?

Na hora de escolher um computador para criar jogos, não tem como escapar de uma pergunta simples como essa: quais tipos de jogos você cria?

Isso é extremamente importante para saber o tipo de exigência que o seu sistema tem durante o seu processo de criação de jogos.

Jogos em 2D geralmente precisam de menos recursos que jogos em 3D, além de outros fatores como o tamanho dos componentes em seus jogos e todo o poder de processamento que ele exige.

Se você é um desenvolvedor solo, ou seja, desenvolve o jogo sozinho, você precisará de um PC que dê conta de todos os processos de sua criação. O que não, necessariamente, precisa acontecer se você faz parte de uma equipe. Como é o caso que veremos no tópico seguinte.

Conheça também: Veja como aprender programação de jogos. Saiba onde começar! 

2. Qual a sua atribuição específica durante a criação de um jogo?

No caso de você desenvolver jogos com uma equipe, e você tiver atribuições específicas durante o processo, você poderá focar seus componentes no tipo de trabalho que você realiza.

Por exemplo: se você é um artista gráfico que faz a modelagem 3D de personagens, você precisará de um PC com bom poder de processamento para dar conta deste tipo de aplicação.

Outro exemplo é se você é um programador e lida diariamente com muitas linhas de código, você poderá usar 2 monitores para acelerar sua produtividade. Até mesmo usando um deles na vertical, como muitos programadores fazem.

Olhando principalmente para o seu trabalho principal você poderá otimizar a escolha dos componentes de seu novo computador para criar jogos.

Para ajudar nesse processo, vamos aos principais componentes e onde eles serão importantes para você.

Dica especial

Se você está procurando melhorar suas habilidades como desenvolvedor de jogos ou mesmo iniciar no desenvolvimento, não há caminho mais rápido e eficiente que o curso da Danki Code.

Ele é um curso completo, focado no aluno, do básico ao avançado. Conforme sua necessidade e vontade de aprender.

Alguns exemplos do que você pode conquistar durante o curso:

  • Criar mais de 25 jogos completos em 2D e 3D;
  • Criar sua própria Game Engine (mecânica do jogo), tanto para 2D quanto para 3D;
  • Publicar o seu jogo em qualquer plataforma do mercado;
  • Dominar as principais linguagens de programação;

Em sua página você vai encontrar depoimentos de diversos alunos e parceiros famosos como do Peter Jordan do Ei Nerd!

3. Escolhendo cada um dos principais componentes de um computador para criar jogos

Vamos falar um pouco sobre cada um dos principais componentes de um computador para criar jogos.

Os principais componentes que falaremos aqui são:

  • Processador
  • Placa de vídeo
  • Memória RAM
  • Armazenamento
  • Monitores

Processador

Computador para criar jogos

O processador é a base do funcionamento de qualquer computador, portanto de nada vai adiantar você ter outros ótimos equipamentos, se ele não acompanhar sua demanda. Independente se você vai optar por Intel ou AMD.

Como esta é uma peça tão primordial, o recomendado é que você escolha o mais potente que seu orçamento permitir. E existem bons motivos para isso!

Um bom processador vai permitir que seu Setup dure mais tempo, sem que haja necessidade de um upgrade de maior valor. Isso pelo fato desta ser uma peça cara e que geralmente traz junto com ela a necessidade de troca também da placa mãe.

A troca de placa mãe está associada a novos Soquetes, que geralmente mudam com as novas gerações de novos processadores.

Outro grande motivo é que um processador lento pode segurar o desempenho de sua placa de vídeo, causando um gargalo que você não precisaria ter.

Placa de vídeo

Computador para criar jogos

A placa de vídeo também é um fator essencial para maioria dos criadores de jogos. Digo a maioria por conta das exigências gráficas que os principais jogos exigem.

Se você busca apenas a criação de jogos 2D com baixa exigência gráfica, você pode escolher uma placa mais simples para seu trabalho.

Mas não se engane, uma placa mais simples não é aquela mais barata que você vai encontrar! Procure sempre estar um pouco acima com suas especificações mínimas. Mesmo criando jogos mais simples, procure por placas gráficas de performance no mínimo medianas.

Já para você que trabalha com partes gráficas, e ou, com modelagem e criação de jogos 3D, não tem como fugir. Escolha a melhor que seu dinheiro puder pagar.

Nesse caso uma boa placa de vídeo é essencial para que você consiga realizar seu trabalho, e até mesmo agilizá-lo.

Leia também: Como montar um PC gamer passo a passo: componentes, preços e impacto no desempenho

Memória RAM

Computador para criar jogos

A memória RAM é muito importante para que seu computador funcione de maneira estável e leve. Quanto mais memória RAM, mais “espaço” seus programas vão ter para rodar.

E não só isso, uma boa memória traz também agilidade na transmissão de dados em sua máquina. Isso é conquistado com memórias que trabalham em frequências mais altas.

Mas lembre-se que sua placa-mãe deve acompanhar o suporte para estas velocidades mais altas. Do contrário elas vão funcionar no limite que sua placa-mãe suporta.

Na hora de priorizar entre velocidade do pente de memória e seu tamanho, priorize o tamanho da memória. Atualmente o mínimo recomendável para um bom sistema é 8GB de RAM. Não escolha menos que isso, principalmente para criação de jogos de maior poder de processamento.

Armazenamento

Computador para criar jogos

Armazenamento é um componente que ganhou muita visibilidade nos últimos anos.

Isso aconteceu pela chegada dos SSD (Solid State Disks), que vêm para substituir os antigos HDD (Hard Disk Drive), que possuem partes físicas móveis para gravação dos dados.

Como o HDD depende de partes móveis, ele tem uma grande limitação de velocidade, entregando velocidades bem abaixo dos SSDs que não dependem de partes móveis.

O único problema é que seu preço/GB ainda é alto. Porém, este é um investimento que vale cada centavo. 

Um SSD faz com que seu sistema trabalhe de maneira muito mais fluida e rápida, permitindo a leitura e gravação dos dados rapidamente.

Se seu orçamento é curto, invista em um SSD com pelo menos 120GB de espaço para o sistema operacional e alguns poucos aplicativos e use um HDD secundário para armazenar os depois arquivos de seu computador.

Monitores

Computador para criar jogos

Monitores vão fazer a diferença na sua produtividade e até mesmo na qualidade do seu trabalho, caso você seja um artista gráfico.

O uso de 2 monitores é o mais comum entre programadores que querem otimizar seus trabalhos lidando com diversas janelas abertas ao mesmo tempo.

Como falamos anteriormente, inclusive usando um deles na vertical, facilitando assim o trabalho com códigos de programação.

Um artista gráfico pode usar até mesmo uma opção ultrawide e ter ainda mais espaço de trabalho.

Para um artista gráfico, é importante olhar painéis com boa qualidade de cores, como os painéis IPS.

Pronto para montar seu computador para criar jogos?

Agora que você viu as principais questões a observar na compra de um computador para criar jogos, você pode estar se perguntando: “mas como eu terei o controle de peça por peça sem saber montar o meu próprio computador?”

Simples! Para isso, você pode usar o site MeuPC.net, e testar a compatibilidade entre seus componentes. E para a montagem, basta que você agende com alguma loja especializada em montagem e manutenção de computadores, que eles farão o serviço para você.

E se você procura se aperfeiçoar mais na área de criação de jogos, não perca a oportunidade de fazer o curso da Danki Code.

Um curso completo do básico ao avançado que vai te dar toda a base que um criador de jogos precisa.

O curso da Danki Code possui diferenciais como:

  • 30 dias de garantia de satisfação
  • Totalmente OnDemand
  • EAD própria
  • Suporte individual e personalizado
  • Acesso vitalício
  • Certificado profissional
  • Atualizações constantes

Milhares de alunos já aprovaram e iniciaram suas carreiras. Não deixe sua oportunidade passar! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo