no

Metal reflete erros da paiN na LBFF 5, reconhece o “terror” do Acesso, mas se mostra confiante

metal-reflete-erros-da-pain-na-lbff-5,-reconhece-o-“terror”-do-acesso,-mas-se-mostra-confiante

Mais uma vez a paiN Gaming se vê na Série de Acesso, com a necessidade de se provar merecedora de continuar na Série A. Metal, técnico campeão brasileiro com a SS na LBFF 3, assumiu a comissão técnica da paiN Gaming após a turbulenta LBFF 4 e deu esperança aos torcedores, que também se empolgaram com Leal7 e stiqzL, uma promessa da base. Entretanto, a força do elenco não saiu do papel, e a equipe amargou as últimas colocações durante toda a LBFF 5, conseguindo se livrar do rebaixamento direto para a Série B apenas na última rodada da fase regular. 

O split da paiN foi marcado por uma incômoda inferioridade desde o início. Nos treinos na pré-temporada o time, já após a mudança de 5 membros, o time vinha apresentando resultados muito bons, o que não foi convertido ao longo das semanas de jogos oficiais da LBFF. Na última semana melhoramos nosso desempenho, e com isso fica a certeza que poderia ter sido dessa forma ou melhor desde a primeira semana”, disse Metal ao Free Fire eSports.

Segundo Metal, o maior rival da paiN ao longo do Split foi o próprio time, que tomou decisões erradas e se limitou durante praticamente toda a competição.

Nosso maior obstáculo nessa LBFF 5 fomos nós mesmos. Ganhar trocações no início das partidas, jogar com confiança e buscando muitos abates foram fatores que faltaram para uma melhor pontuação ao final da fase de grupos”, exaltou Metal.

pain acesso metal
paiN Gaming viveu momentos difíceis na LBFF 5 (Foto: Bruno Alvares/Jéssica Liar/Garena)

Os erros não podem atrapalhar os Tradicionais no sábado (31). Serão 12 equipes brigando por apenas quatro vagas na Série A. Metal nunca disputou a Série de Acesso, mas sabe o que o desafio que o espera pela frente.

O Acesso é sempre muito caótico, existem times dando o máximo pra subir e conseguirem, pela primeira vez, uma vaga na elite do Free Fire brasileiro. E os times que estão passando por fases complicadas buscando se manter na série A para analisar os erros e voltar com tudo para a próxima etapa da LBFF”, comentou Metal.

Apesar do clima caótico que beira a Série de Acesso, o técnico tem convicção de que a paiN precisa fazer apenas o seu para se garantir no TOP 4: “Acredito que se conseguirmos fazer nosso jogo, não devemos ter problemas com nenhum time”, disse Metal, que no final da entrevista fez questão de deixar um recado para o torcida da paiN Gaming.

A Melhor Torcida do Mundo é uma parte importantíssima da paiN, eles são apaixonados e merecem resultados ótimos em todas as modalidades. Vamos com tudo para esse grupo de acesso e permanecer na Série A para buscar o título na próxima LBFF”, completou o técnico.

Escrito por Odilon Queiroz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

lei de incentivo ao esporte

Passei de Level em João Pessoa: Avanços na inclusão digital.

o-modo-lendas-de-ghost-of-tsushima-tera-lancamento-independente-com-um-novo-modo:-“rivais”-chega-a-partir-do-dia-3-de-setembro

O Modo Lendas de Ghost of Tsushima terá lançamento independente