Variedades

LBFF 5: Souto fala sobre sistema tático da Liquid, meta e mais

A Liquid só entra no servidor da LBFF no próximo domingo (20). No entanto, Souto, treinador da equipe, foi convidado pela transmissão oficial da competição para conversar e falou sobre sua equipe durante a rodada deste sábado (19).

Após a terceira queda, Souto respondeu algumas perguntas dos casters. O treinador falou sobre o sistema tático da Liquid, mudança de meta e mais; confira.

Durante a entrevista, o narrador Diego Hads perguntou sobre o tático da Liquid. Souto afirmou que sua equipe é mais agressiva e procura as trocações logo no começo da partida.

“Somos bem tranquilos. Fora e dentro de jogo são todos confiantes. Sempre passo confiança para o time, sempre tento mostrar o caminho certo das coisas. Estamos mostrando nosso estilo de jogo: sempre procurando trocações no início de partida e buscando eliminações”, disse à transmissão oficial da LBFF.

souto
Souto, técnico da Liquid, falou sobre o tático da Liquid, meta e mais

Já Luis Folha entrou no assunto da análise dos adversários. Para estar sempre por dentro das movimentações dos adversários, Souto afirmou que é importante estar ligado nos jogos das equipes para ver o que estão preparando para as próximas rodadas.

“A gente que vive o competitivo tem que assistir tudo: ver o que está acontecendo e os que os times adversários fazem. As vezes os times em um grupo jogam de um jeito, em outro grupo jogam de uma outra maneira e a gente tem que estar atento a tudo”, disse.

Maah Lopez citou a mudança do meta das granadas e perguntou se essa mudança vai afetar de algum modo a Liquid. Para Souto, isso vai facilitar o trabalho da sua equipe por conta do estilo de jogo da Liquid.

“Para o nosso estilo de jogo, isso até melhora. A Liquid é uma equipe que busca trocação principalmente no começo da partida. Ter menos granda é melhor porque podemos jogar mais soltos e dá até mais confiança para buscar qualquer time. Para gente fica muito mais tranquilo”.

souto

Por último, Camilota XP quis saber do entrevistado qual equipe que estava jogando neste sábado (19) o treinador estava de olho e que poderia atrapalhar os planos da Cavalaria para conquistar o título. Em sua resposta, Souto foi curto e direito ao ponto: “Eu diria que o problema pode ser nós mesmo. Só perdemos para os nosso próprios erros”, concluiu.

Acompanhe as redes sociais da Garena no FacebookInstagram e Twitter

O post LBFF 5: Souto fala sobre sistema tático da Liquid, meta e mais apareceu primeiro em Free Fire.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo