Variedades

Booyah! – Team Coda Solid e a busca por espaço

Em sua segunda temporada na Série A da LBFF, o Team Coda Solid ainda luta pelo seu espaço. Mesmo se classificando para a segunda final consecutiva, o time sofreu ao longo da campanha, e chega na Grande Final precisando provar que merece mesmo estar na elite.


Posição: 10º lugar
Pontos: 564
Booyah!: 5
Abates: 240
Pontos por colocação: 324
Destaque: VitinXP


Rodada a rodada

team-coda-solid-lbff-6-stats

O começo foi bom, mas a queda de desempenho após a sétima rodada foi significativa. Rodada a rodada, o Team Coda Solid se mostrava fragilizado e correu sérios riscos de perder a vaga para a Grande Final. Se nas primeiras quatro rodadas o time manteve uma média de pontos superior a 50 e chegou a sonhar com a liderança, entre a sétima e 14ª rodadas a média caiu para 39 pontos por rodada e deixou claro que as mudanças no meta não fizeram bem.

Buscando seu espaço no cenário competitivo nacional, o TCS mostrou uma bela recuperação na 16ª rodada, com seu melhor desempenho ao longo de toda a temporada: 70 pontos.

Quando o assunto é abates, o Team Coda Solid nunca foi um nome de grande destaque. A equipe só supera Netshoes Miners e Meta Gaming no quesito e a falta de agressividade pode custar a chance de sonhar com o título na Grande Final.

Mapa a mapa

team-coda-solid-lbff-6-stats

Se em Kalahari as coisas andam bem – quatro dos cinco Booyah! da equipe foram no mapa mais quente do cenário – para o Team Coda Solid, Purgatório é um problema e tanto. O desempenho no primeiro mapa da rotação é o segundo pior da temporada, empatado com o Real e-Sports, e o pior dentre os finalistas. Os 167 pontos ao longo de 12 rodadas escancaram a necessidade de mudanças: manter a call em Ski Lodge não parece ser boa ideia e, se quiser brigar pelo título, a equipe deve trazer novidades no próximo sábado.

As estrelas da Team Coda Solid

team-coda-solid-lbff-6-stats

O Team Coda Solid manteve grande parte do seu elenco entre as duas últimas temporadas. Apenas Alok10 chegou e, ainda assim, pouco apareceu ao longo da temporada. Por outro lado, VitinXP continua sendo o líder nas estatísticas e é responsável por quase 40% dos abates da equipe.

Pão e Qualy fazem a dupla favorita dos casters e já mostraram ter talento e conhecimento no jogo. Pão é experiente, esteve no elenco campeão da LBFF 3 e leva todo seu conhecimento ao time que ainda busca conquistar seu espaço na elite.

O que esperar da Grande Final

Não há nada a perder na Grande Final. Coadjuvante ao longo de toda a temporada, a Team Coda Solid pode até surpreender, mas precisará encontrar um jogo que ainda não foi visto na LBFF 6. O elenco tem talento, resta saber se isso será o suficiente ao longo das nove quedas decisivas.


Por fim, a Grande Final acontece no próximo sábado, dia 30 de outubro. A final da LBFF marca também o lançamento de umnovo canal no YouTubefocado em Esports, onde os fãs poderão acompanhar todas as lives e conteúdos sobre as séries A, B e C da LBFF, Mundial (FFWS) e outros eventos competitivos de Free Fire.

A decisão também terá transmissões no canal oficial de Free Fire noYouTube, naBOOYAH!,plataforma de streaming da Garena, noTikToke, pela primeira vez, no canal de TV a cabo SPACE, a partir das 13h (horário de Brasília).Parte da WarnerMedia do Brasil, o canal SPACE, lançado em 2008, possui conteúdo de entretenimento e produções originais, além de grandes eventos esportivos.

Acompanhe a LBFF por meio dos perfis noFacebook,Instagram,TwittereTikTok, além do novo canal de Free Fire Esports noYouTube.
Cliqueaquipara acessar as

O post Booyah! – Team Coda Solid e a busca por espaço apareceu primeiro em Free Fire.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo