Variedades

Activision Blizzard é processada por suicídio de diretor

A Activision Blizzard está sendo processada pela família de um ex-diretor da corporação que tirou sua vida pessoal em 2017. De acordo com alegações da família de Kerri Moynihan, 32, a tradição de assédio sexual foi decisiva para a jovem norte-americana para cometer suicídio.

O caso foi relatado pelo The Washington Publish em 4 de março. Kerri foi descoberta inútil em um retiro da organização em um resort de Anaheim em 2017, mas seu caso já havia sido referenciado em um processo da Divisão de Trabalho Honesto da Califórnia novamente em julho de 2021 — simplesmente quando as circunstâncias primárias do abuso foram relatadas. abuso sexual havia sido lançado no tribunal para o corporativo.

De acordo com o processo principal, também obtido pelo jornal, os trabalhadores entregaram imagens de elementos pessoais do diretor em uma reunião de Natal. Lá, eles também citam que um “supervisor” estava levando “brinquedos sexuais” em uma jornada de trabalho. Na época, a Activision Blizzard citou as alegações como “distorcidas, tipicamente falsas”.

Dentro da ação movida pela mãe e pelo pai da vítima, eles citam que o supervisor de sua filha, Greg Restituito, mentiu para os investigadores da polícia e tentou encobrir provas de seu relacionamento com Kerri. A Activision Blizzard também recusou o livro de bolso pertencente ao diretor anterior, além de não dar acesso ao celular ou às ferramentas de Greg.

De acordo com seu perfil no LinkedIn, Greg Restituito trabalhou na empresa até maio de 2017, um mês após o falecimento do diretor. O processo também menciona que, no quarto do paciente durante o retiro da empresa, a polícia descobriu a chave de acesso ao quarto do supervisor e que o consultor corporativo teria mentido sobre o motivo de que Kerri tinha o importante junto com ela.

Por essas causas, a família do diretor anterior está processando a Activision Blizzard por homicídio involuntário, alegando que a tradição de assédio sexual foi fundamental para Kerri Moynihan tirar sua vida e que nenhum consultor diferente da empresa tomou medidas corretivas para a conduta abusiva. de Grego.

Em janeiro destes 12 meses, a Microsoft comprou a Activision Blizzard por R$ 375 bilhões.

24 horas de Esports em apenas 10 minutos. Assine a Recall, a E-newsletter do Mais Esports todos os dias!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo